Bio

Sou artista visual, roteirista e diretora.

Tenho um desejo profundo de captar fragmentos poderosos da experiência humana através de sua relação com a natureza, a beleza e os sonhos.
Crio atmosferas de força e delicadeza através de imagens que mostram como elementos e situações originais recebem, são afetados ou modificados por interferências externas. Escolho para isso mídias como fotografia, filmes, roteiros, arte têxtil e instalações.

Com o tempo percebi que assuntos recorrentes como cultura popular, brasilidade, meio ambiente e questões de gênero e identidade rondam sempre minha cabeça e coração, revelando os caminhos do meu olhar.

Atualmente resido em Nova York.

Histórico

Me formei em comunicação social e iniciei minha carreira no departamento de criação da MTV Brasil dirigindo o programa Base MTV entre inúmeros projetos sobre HIV, política, meio ambiente e cidadania.

Em 2008 escrevi e dirigiu meu primeiro curta-metragem Vintage, que foi selecionado pela TNT para ser transmitido em toda América Latina, Japão e Estados Unidos. O curta também foi exibido nos festivais Cine-Vitoria e Mix Brazil.

Em 2010 ganhei o prêmio de incentivo do MinC (Ministério da Cultura do Brasil) como melhor roteirista estreante de longa-metragem de ficção com o projeto Meu Elvis.

Em 2012 trabalhei com Haddock Films (Produtora de O Segredo dos seus Olhos – Oscar 2010) no desenvolvimento e pesquisa de roteiro do documentário Pássaro Verde sobre a imigração africana em Cabo Verde.

Em 2015 criei a série de bordado em plantas Pink Intervention que participou da exposição sobre trabalhos manuais FIO na Galeria Sin Logo em São Paulo e Spotte Art New York.

Neste mesmo ano desenvolvi junto com Maria Eugênia Cordero a instalação têxtil A Batalha do Corpo, que foi aprovada pelo Minc/Lei Rouanet, com estreia marcada para março de 2016 no Centro Cultural São Paulo.